Sexo grupal

Sexo grupal

O sexo grupal ou “sexo com múltiplos indivíduos” (SMI) é um comportamento em que mais de duas pessoas praticam atos sexuais juntas, podendo envolver a cópula vaginal entre um homem e uma mulher e/ou atos libidinosos diversos. Assim descrito, o sexo grupo envolve várias subcategorias como o ménage, o swing[1] e a orgia (também chamada no Brasil de suruba).[2]

Apesar de ser uma prática contrária ao padrão sexual dominante em boa parte do mundo, especialistas afirmam que o desejo de praticá-lo é mais comum que se imagina.[3]